Caso Rede Libertária (setembro de 2009)

A 10 de setembro de 2009, dois agentes da Unidade Nacional de Combate ao Terrorismo (UNCT) da Polícia Judiciária, munidos do respetivo mandato da Direção para a Ação e Investigação Penal (DIAP), entravam num apartamento em Lisboa. A ação policial visava a Rede Libertária, um blogue anarquista responsável pela publicação da seguinte imagem, a qual…